Liderança Eficaz

28/01/2019

 

 

 

 

Uma vez um cientista inventou a reprodução de si próprio com tal perfeição que era impossível distinguir a reprodução do original. Certo dia o Anjo da Morte o procurou, mas ficou perplexo ao deparar com uma dúzia da mesma pessoa.

 

Foi então que o Anjo, perito na natureza humana, disse as doze copias: - O senhor deve ser um gênio quase perfeito, mas descobri uma falha em sua obra. Uma pequenina falha.

 

Imediatamente o cientista deu um pulo e gritou: - Impossível! Onde está a falha? – Na arrogância, respondeu o Anjo da Morte enquanto pegava o cientista no meio das reproduções e o levava embora.

 

Para exercer a liderança eficaz a humildade é o primeiro mandamento. É preciso saber que o poder de posição não nos torna melhor que os liderados, pelo contrário trás junto a responsabilidade de dar o exemplo.

 

Além de evitar a prepotência, que já destruiu muitas obras promissoras, alguns atributos são importantes para o desempenho da função. Um líder deve utilizar os conflitos normais da equipe para gerar novas ações, pois, na tensão gerada pelas opiniões divergentes nasce o novo. É no debate que revolve a intimidade das partes e a potencialidade individual vem à tona.

 

Deve evitar se tornar manipulável, por colocar-se como a solução de tudo sem permitir sua equipe ter maturidade e competência para resolver problemas. Poderá, assim, criar um ambiente caótico por não servir de apoio aos colaboradores.

 

Um líder eficaz cobra resultados na medida exata para não ser complacente ou pragmático demais. Ele deve desafiar a equipe a ir para um lugar nunca antes por ela pensado, conduzi-la para melhores resultados.

 

Sabe fazer o pessoal entender porque é do interesse deles aceitar e querer as mudanças e inovações.

 

Um líder eficaz dá feedback – retorno - assertivamente, sabe compartilhar informações, quando, como e o que compartilhar para não gerar um caos no ambiente interno.

 

Evita gerar letargia pela falta de produtividade e sufocar a criatividade da equipe, bem como empurrar com a barriga as decisões tomadas por não ter uma agenda de compromissos competente.

 

Evita reuniões improdutivas, demoradas e demagogas falando apenas de si ou de pessoas ao invés de falar dos processos e ações. Burocracias desnecessárias que emperram o trabalho da equipe.

 

Por fim, lembre-se que o sucesso é fácil para quem consegue ser autêntico e sabe dizer o que pensa diretamente sem ferir. E difícil para aqueles que querem sempre agradar e ser o que os outros esperam. Seja você mesmo. Pense nisso, mas pense agora!

 

Saulo Carvalho é consultor financeiro e organizacional e atua oferecendo novos significados para viver as virtudes em abundância. Articulista de A Gazeta, escreve neste espaço aos domingos. saulocarvalho@seubolso.com.br ou www.seubolso.com.br.

Compartilhar
Retweet
Please reload

65 3624-3060

  • 001-instagram
  • 002-twitter-logo-button
  • 003-facebook-logo-button
Please reload

Arquivo

Ouvindo a Voz da Empresa 5/5

04/12/2017

1/5
Please reload

Posts Em Destaque
Procurar por tags
Posts Recentes